Ler ou não ler – eis o crime do Padre Amaro